Filosofia


Disciplina _ FILOSOFIA DA MENTE

Anatomia de uma pequena pesquisa
Uma conclusão, mesmo que tardia.


De repente ficamos nos perguntando como, em que forma seria possível dizer, sem que se tornasse uma “eusologia”, tudo que foi visto. Pior, como fazer-nos entender sem  que parecêssemos um narrador-intruso? Porém em uma última tentativa para demonstramos, encontramos um vídeo em que Dan Dennett, fala sobre memes perigosos. Termo criado por Richard Dawkins, sintetizando seria “ideias que replicam passando de cérebro em cérebro”, “perigosas” porque das ideias originais poderíamos fazer um uso catastrófico, questões de religião, liberdade , política e etc. Entretanto , não é essa a intenção, digamos que seria , as ideias das quais tivemos contato foram se assentando e se conectando. Todavia, o como, ainda se repetia. Ideias são fascinantes, e muitas vezes decepcionam, porque essa coisa de pesquisar, andamos por muitas ideias e precisamos salientar que o tempo para a pesquisa é fundamental, e esse narrador-intruso que voz fala ,se encontra em uma posição que poderia ser definida como: “meu marido é a árvore, cuja sombra me deito”, mas dizendo socialmente , na classe média, essa classe média que a Sra. Marilene Chauí colocou como ““a classe média é uma abominação política, porque é fascista, é uma abominação ética porque é violenta, e é uma abominação cognitiva porque é ignorante. Fim”. Segundo o “meme”(ideia) original ela foi muito aplaudida. Entretanto estamos tentando encontrar , o como, e politicamente , talvez não fosse viável, mas há uma conexão entre , pesquisa, classe, ética , percebes? Seguindo , houve um contato imediato de primeiro grau, foi exposto como faríamos  uma abordagem interativa –Bom, mas tenha o cuidado para as pessoas entenderem. Aterrorizante , o como, que de forma tão bem colocado, no artigo na Revista Theoria - Revista Eletrônica de Filosofia -Faculdade Católica de Pouso Alegre- MATERIALISMO TECNOCIENTÍFICO E REDUCIONISMO HUMANO -À LUZ DA FILOSOFIA DA MENTE E DA ANTROPOLOGIA FILOSÓFICA, não seria possível também. Porquê, à partir da perspectiva gnosiológica, a concordância do pensamento entre sujeito e objeto, não era suficiente. Porém pesquisar ,é em última análise amar, quem sabe com as ideias de ANTÔNIO DAMÁSIO-O mistério da consciência-Do corpo e das emoções ao conhecimento de si ,ou em O SER FRAGMENTADO –Anselm Grün , ou AMOR LÍQUIDO - Sobre a fragilidade dos laços humanos- Zygmunt Bauman , o como, poderia acontecer, pois se bem entendemos Aristóteles , as coisas estão em ,potência e ato.Contudo , esse intruso que voz narra , não quer se alongar e timidamente confessa, tem medo de Aristóteles. A sua genialidade lógica. Por fim não conseguimos encontrar , o como, mas fazemos uso do início do primeiro capitulo do livro de Zygmunt Bauman-“Meu caro amigo, estou lhe enviando um pequeno trabalho do qual se poderia dizer, sem injustiça, que não é cabeça nem rabo, já que tudo nele é, ao contrário, uma cabeça e um rabo, alternada e reciprocamente. Suplico-lhe que leve em consideração a conveniência admirável que tal combinação oferece a todos nós — a você, a mim e ao leitor. Podemos abreviar — eu, meus devaneios; você, o texto; o leitor, sua leitura. Pois eu não atrelo interminavelmente a fatigada vontade de qualquer um deles a uma trama supérflua. Retire um anel, e as duas partes desta tortuosa fantasia voltarão a se unir sem dificuldade. Corte em pedacinhos e vai descobrir que cada um deles tem vida própria. Na expectativa de que alguma dessas fatias possa agradá-lo e diverti-lo, ouso dedicar-lhe a cobra inteira.” Charles 
Baudelaire.





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Image and video hosting by TinyPic Ciranda da Bailarina Composição: Chico Buarque / Edu Lobo
Procurando bem Todo mundo tem pereba Marca de bexiga ou vacina E tem piriri, tem lombriga, tem ameba Só a bailarina que não tem E não tem coceira Verruga nem frieira Nem falta de maneira ela não tem Futucando bem Todo mundo tem piolho Ou tem cheiro de creolina Todo mundo tem um irmão meio zarolho Só a bailarina que não tem Nem unha encardida Nem dente com comida Nem casca de ferida ela não tem Não livra ninguém Todo mundo tem remela Quando acorda às seis da matina Teve escarlatina ou tem febre amarela Só a bailarina que não tem Medo de subir, gente Medo de cair, gente Medo de vertigem Quem não tem Confessando bem Todo mundo faz pecado Logo assim que a missa termina Todo mundo tem um primeiro namorado Só a bailarina que não tem Sujo atrás da orelha Bigode de groselha Calcinha um pouco velha Ela não tem O padre também Pode até ficar vermelho Se o vento levanta a batina Reparando bem, todo mundo tem pentelho Só a bailarina que não tem Sala sem mobília Goteira na vasilha Problema na família Quem não tem? Procurando bem... Todo mundo tem...
"Mas em seus sonhos, quaisquer que eles sejam, Sonhe um pequeno sonho comigo."

license

Licença Creative Commons
Image and video hosting by TinyPic *GIF internet

Ernesto Sabato

"Estamos próximos mas estamos há uma distância incomensurável, estamos próximos mas estamos sós"
"Amor, e o que é o sofrer
Para mim que estou
Jurado pra morrer de amor"
Djavan

"No meio do caminho No meio do caminho tinha uma pedra tinha uma pedra no meio do caminho tinha uma pedra no meio do caminho tinha uma pedra. Nunca me esquecerei desse acontecimento na vida de minhas retinas tão fatigadas. Nunca me esquecerei que no meio do caminho tinha uma pedra tinha uma pedra no meio do caminho no meio do caminho tinha uma pedra" Carlos Drummond de Andrade

" No mais, mesmo, da mesmice, sempre vem a novidade. "{Guimarães Rosa}

Pablo Neruda

Se há uma pedra destroçada
dela faço parte:
estive na ventania,
na onda,
no incêndio terrestre.

Respeita essa pedra perdida.

Se encontras num caminho
um menino
roubando maçãs
e um velho surdo
com um acordeon,
recorda que eu sou
o menino, as maçãs e o ancião.
Não me magoes perseguindo o menino,
não batas no velho vagabundo,
não atires ao rio as maçãs.


Mahatma Gandhi

"Você nunca sabe que resultados virão da sua ação. Mas se você não fizer nada, não existirão resultados."


Arnold Edinborough





A curiosidade é a base da educação e se você me disser que a curiosidade matou o gato, digo apenas que o gato morreu nobremente.


Jean-Paul Sartre

Jean-Paul Sartre
” Como todos os sonhadores confundi o desencanto com a verdade. “
"O que aprendi, já não sei. O pouco que ainda sei, adivinhei-o."
Sébastien-Roch Nicolas de Chamfort

José Saramago

Nada é para sempre, dizemos, mas há momentos que parecem ficar suspensos, pairando sobre o fluir inexorável do tempo."


"Pessoas, muito mais que coisas, devem ser restauradas, revividas, resgatadas e redimidas: jamais jogue alguém fora"Audrey Hepburn.

João Manoel Lourenço Pereira

João Manoel Lourenço Pereira
Poeta _ DA MONTANHA

ZULEIDE ZHU VALENTE

ZULEIDE ZHU VALENTE
POETISA_DAS COISAS MUITO MAIS QUE POUCAS